Cascavel

Ideb: Rede Municipal de Cascavel alcança meta e mantém o índice

Município ficou entre as cinco maiores cidades com melhor nota, ainda assim a Semed...

16 set 20 - 13h42 Redação NPR Online
Ideb: Rede Municipal de Cascavel alcança meta e mantém o índice

O Ministério da Educação, por meio do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), divulgou ontem (15) o resultado do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica). A Rede Municipal de Cascavel atingiu a meta determinada para o ano de 2019, de 6,5, e apesar de manter o mesmo resultado obtido em 2017, premaneceu entre as cinco maiores notas das dez maiores cidades do Estado, empatando com Curitiba e Ponta Grossa, e ficando atrás somente de Maringá,  Londrina a Foz do Iguaçu.  Cascavel ainda segue com o maior resultado já registrado desde a criação do índice, em 2005. O resultado também supera a meta do Estado do Paraná para 2019, que era de 6,3 e atingiu  nota 6,3, e ainda a meta nacional, que era de 5,5 e alcanço 5,7. 

A menor média entre as escolas municipais foi de 5,2 e mais uma  vez a Escola Municipal Hercules Boschirolli alcançou a maior meta com o índice de 8,1. Vale destacar também as Escolas Municipais Neiva Ewald e Aquiles Bilibio, que de 2017 para 2019 obtiveram o maior avanço na média, subindo 0,7 décimos. Além disso, a maior parte das escolas municipais obtiveram avanços e/ou mantiveram a nota de 2017 a 2019, totalizando 63,7% das escolas.   

Para a secretária de Educação, Marcia Baldini, o fato de Cascavel ter permanecido com o mesmo índice de 2017 não deve ser considerado como um resultado negativo. “Vejo que a qualidade do ensino não se mede apenas por uma nota e sim por todo um conjunto de trabalho, assim como a avaliação diagnóstica e qualitativa”, explica a secretária. Ela também afirma que este é o momento de avaliar e buscar novos encaminhamentos para a melhoria constante da qualidade do ensino e para a superação de desafios que influenciam nos indicadores. “Um destes desafios é a questão dos alunos estrangeiros, que não compreendem a Língua Portuguesa, e também alunos do Homeschooling, que são matriculados, mas não comparecem às unidades escolares, tornando-se números evasivos, o que influencia no fluxo escolar”. 

Vale lembrar que o Ideb ocorre a cada dois anos e avalia o resultado do fluxo escolar e a proficiência do aluno em Português e Matemática.

Um fator que a secretária de Educação de Cascavel faz questão de enaltecer: o esforço de toda uma grande equipe de profissionais, imbuídos de um só propósito, o de levar Educação de qualidade para cada aluno matriculado na Rede. “Tenho que reconhecer que houve um grande esforço de todos os envolvidos para melhorar os indicadores e acima de tudo a qualidade no ensino. Já estamos nos debruçando nos indicadores de cada unidade, realizando um diagnóstico para traçar ações de melhoria”, conclui.

Via: Portal do Município de Cascavel - Foto: Divulgação


Whatsapp NPR Online - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, para o nosso WhatsApp que a nossa equipe irá atender você, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: https://bit.ly/39HAJmd


Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.