Cascavel

Reabertura da UPA Brasília representa uma vitória para a região norte

Nesta terça-feira, 14 de julho, a unidade Upa Brasília será inaugurada e já atende...

13 jul 20 - 14h45 Redação NPR Online
Reabertura da UPA Brasília representa uma vitória para a região norte

Na sessão da Câmara de Vereadores da semana passada, o vereador Carlinhos Oliveira clamou ao prefeito Leonaldo Paranhos pela reabertura da UPA Brasília o quanto antes, considerando que os moradores da grande região norte (bairros Interlagos, Brasmadeira, Brasília, Floresta, Periolo e Morumbi), estavam há quase um mês sem atendimento em unidade próxima de suas residências, obrigados neste momento sem transporte público, de se deslocar até a Upa Veneza, na região sul da cidade. A resposta do prefeito foi em determinar urgente reabertura.

Nesta terça-feira, 14 de julho, a unidade Upa Brasília será inaugurada e já atende a expressiva população da grande região norte, formada 25% da população urbana da cidade. “Obrigado prefeito Paranhos, primeiro pela ampla reforma e significativa ampliação da estrutura e também por entender a necessidade e agilizar na instalação dos mobiliários e deixar a unidade pronta para abrir os atendimentos para a nossa região. A Região Norte de Cascavel agradece”, manifestou o vereador Carlinhos.

O novo espaço tem o total de 1.622,27 m² de área construída, ou seja 33% maior do que a estrutura anterior. Além disso, conta com uma nova enfermaria infantil, Central de Material Esterilizado, novos abrigos de resíduos, gases medicinais e GLP, ampla recepção e consultórios para atendimento à população. A UPA Brasília, localizada na região Norte do Município, após passar por obras de reforma e ampliação, retoma seus atendimentos já nesta segunda-feira (13), de forma mais efetiva na terça-feira e atenderá pacientes acima de 14 anos.

A Unidade conta também com 20 leitos adulto, 8 leitos de observação de curta duração e 3 leitos de suporte à vida. O valor investido na edificação é de R$ 2.602.996,15. No entanto, há ainda investimentos na ordem de R$ 1.377.208,90 em equipamentos hospitalares, R$ 55.187,37 em eletrodomésticos e eletroeletrônicos, R$ 131.999,80 em móveis planejados, R$ 83.679,47 em outros móveis e cadeiras e R$ 104.831,40 em aparelhos de ar-condicionado – este último que ainda não foram instalados, pois foram empenhados recentemente.

“Isso tudo para trazer mais comodidade e mais qualidade aos atendimentos. Estamos dando melhores condições de trabalho aos profissionais de saúde. São novos equipamentos, novos móveis, uma estrutura mais qualificada e um fluxo mais adequado, dando mais condições ao servidor, que poderá desenvolver melhor o seu trabalho, o que reflete também na agilidade e na qualidade do serviço à população”, pontua o secretário de Saúde, Thiago Stefanello.

A reforma contemplou toda estrutura existente, readequando os espaços, com substituição de revestimentos de pisos e paredes, pintura nova, instalação de rede de gases medicinais, instalações elétricas e hidrossanitárias novas, substituição de portas e janelas, readequação de pátio em paver e asfalto, realocação da base do cilindro de oxigênio e paisagismo.

Segundo o prefeito Leonaldo Paranhos, toda essa estrutura coloca a UPA Brasília como uma referência em Cascavel. “A tendência dessa UPA é de atender a todos os perfis de pacientes. A infraestrutura a mais que construímos tem praticamente tudo o que tem um hospital. O nome UPA vai continuar, porque já temos o Hospital de Retaguarda, mas é na verdade é um Hospital da Região Norte”, enfatiza Paranhos.

Via: Assessoria de Imprensa/CMC- Foto: Divulgação


Whatsapp NPR Online - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, para o nosso WhatsApp que a nossa equipe irá atender você, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: https://bit.ly/39HAJmd


Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.