Cascavel

Uopeccan de Cascavel recebe 7 mil máscaras produzidas por detentos da PIC

O projeto é uma iniciativa da Penitenciária Industrial de Cascavel (PIC) e do Depen...

01 jul 20 - 17h55 Luiz Felipe Max
Uopeccan de Cascavel recebe 7 mil máscaras produzidas por detentos da PIC

O Hospital do Câncer Uopeccan de Cascavel recebeu nesta quarta-feira (01), a doação de 7 mil máscaras para o combate da Covid-19. No momento já foram entregues desde maio, 48.150 máscaras, 500 aventais SMS e 200 aventais de tecido. O projeto é uma iniciativa da Penitenciária Industrial de Cascavel (PIC) e do Depen, que são parceiros para fabricar os materiais.

A mão de obra é feita por 30 detentos, que receberam como benefício a redução de pena, conforme o tempo trabalhado. “Essa parceria é importante principalmente no período que estamos enfrentado. Agora é o momento de unirmos forças para lutar contra o coronavírus. O sistema prisional, não poderia deixar de ajudar os hospitais que necessitam desses insumos” explica o coordenador regional do Depen, Thiago Correia.

Uma fábrica de campanha foi montada com 17 máquinas de costuras para atender a demanda da produção dos materiais para ajudar instituições de Cascavel. “Faz alguns meses que estamos desenvolvendo o projeto com auxílio dos presos na confecção desses materiais para colaborar com os hospitais, com um só objetivo todos contra o coronavirus”, comenta o diretor da PIC, Henrique Dondoni.

Segundo o Gerente Administrativo/financeiro da Uopeccan, Fábio Santos Costa, a doação das máscaras e aventais representam uma economia mais de R$ 10 mil para o hospital. “Essa contribuição é muito significativa para manutenção das unidades de Cascavel e Umuarama e garante proteção aos profissionais de saúde que estão na linha de frente. Caso a instituição tivesse que comprar todos esses materiais o gasto seria alto”.

Via: Redação/UOPECCAN - Foto: Divulgação


Whatsapp NPR Online - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, para o nosso WhatsApp que a nossa equipe irá atender você, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: https://bit.ly/39HAJmd


Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.