Cascavel

Covid-19: Paranhos exige que bancos garantam segurança em autoatendimento

Prefeito diz que Município aplicará multas pesadas caso as instituições financeiras...

01 abr 20 - 21h42 Redação NPR Online
Covid-19: Paranhos exige que bancos garantam segurança em autoatendimento

As agências bancárias de Cascavel estão fechadas por conta do decreto que suspendeu as atividades ao público, como uma das medidas de enfrentamento ao coronavírus (Covid-19). Os caixas eletrônicos, no entanto, continuam abertos para a população que necessita dos serviços bancários. A falta de cuidado com a higienização das maçanetas das portas de acesso e dos teclados dos caixas de autoatendimento chamaram a atenção de moradores da cidade que encaminharam ao prefeito Leonaldo Paranhos imagens mostrando os riscos de contaminação.

Após receber as imagens que mostram o descuido, por parte das instituições, o prefeito e determinou que sua equipe verificasse a situação em várias agências bancárias. Imagens feitas pela equipe constataram a falta de cuidado nas ações de proteção à Covid-19.

O prefeito sugeriu que os bancos mantenham um funcionário para fazer a higienização dos espaços assim que cada usuário do sistema deixe os caixas eletrônicos.

Paranhos disse que, a partir desta quinta-feira (2), se as agências insistirem na irregularidade serão multadas. "Não é ameaça, eu preciso dizer que teremos que, lamentavelmente, agir com rigor, fazendo multas como já aconteceu em outras cidades, que é para a garantia total da segurança das pessoas. Quem está indo ao banco são pessoas que precisam desse serviço, elas não estão indo lá para uma ação desnecessárias", declarou.

O prefeito pediu ainda a colaboração de todos, inclusive de lotéricas e supermercados para que cumpram as medidas impostas pelo decreto que estabeleceu critérios para funcionamento dos serviços considerados essenciais.

"É muito triste falar em multas nesse momento, falar em multas em tempos de crise. Tem muitos setores que ainda estão tendo a oportunidade de manter os serviços, por causa da necessidade de um serviço essencial, mas isso não pode trazer a desobrigação de, rigorosamente, cumprir com as medidas de segurança às pessoas".

O secretário de Finanças, Renato Segalla, disse o Município está estudando juridicamente o que pode ser aplicado de multa.

Via: Portal do Município de Cascavel - Foto: Divulgação


Whatsapp NPR Online - Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, para o nosso WhatsApp que a nossa equipe irá atender você, ou entre em nosso grupo do WhatsApp e recebe as principais notícias em primeira mão: https://bit.ly/39HAJmd


Postagens Relacionadas
Publicar um comentário:
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.